Tua graça é bendita e tua beleza infinita. Das flores do campo ofuscarias a tulipa. Difícil até de ser escrita. Distância maldita. visão que edifica. Assim és Thalita.
 
Autor: 
» Ações
      

» Dados sobre o Poema
Enviado por Caio Augusto
Autor
Cadastro 01/03/2020 20:01:25
Visitado 41 vezes
Enviado Nenhuma vez



» Enviar este Poema
 
Seu nome
Seu e-mail
Nome do Destinatário
E-mail do Destinatário
Escreva uma Mensagem
  
 

© Copyright 1998 - 2020 Poemas de Amor. Todos os direitos reservados.