TI AMO
Poema enviado por: JANETTE
 
Outra vez eu preciso de ti, venha me ver para te falar,
Que por onde ando não encontro mais teus passos,
Quero sentir sua caricia e dizer o quanto ti amo,
E falar das coisas que foram em vão, eu te perdi.

Sinto uma tristeza profunda aqui dentro do coração,
As batidas deles estão parecendo pendulo já velho,
E Desgastado pelo tempo, tempo que não volta mais,
Mas tenho esperança de ainda sentir teu beijo.

Vou vivendo de paixão, um amor incondicional, talvez,
Porque meu egoismo bateu forte e não te procurei,
Mas existe uma força maior para tudo isto que vivo,
Então te peço perdão das palavras mal usadas.

Hoje quero recordar o que passamos juntinhos,
Aqueles beijos caliente que somente você sabe dar,
Aquele pega que é gostoso demais e sentir,
Vamos viver um grande amor ainda que exista.

Quero dormir até no relento, e contar as estrêlas,
E dizer o quanto de amo e sei que vai corresponder,
Porque dentro de você existe esta pessoinha,
Que simplesmente te ama e serás correspondido.
 
Autor: JANETTE
» Ações
            

» Dados sobre o Poema
Título TI AMO
Autor JANETTE
Categoria Amor
Cadastro 01/06/2017 11:03:19
Visitado 265 vezes
Enviado Nenhuma vez



» Enviar este Poema
 
Seu nome
Seu e-mail
Nome do Destinatário
E-mail do Destinatário
Escreva uma Mensagem
  
 

© Copyright 1998 - 2017 Poemas de Amor. Todos os direitos reservados.